As bibliotecas como espaço de aprendizagem nos países africanos de língua oficial portuguesa (PALOP)

Anderson Leonardo de Azevedo

Resumo


Este trabalho refere-se à proposta de pesquisa no âmbito do mestrado em Educação Profissional em Saúde, sobre o papel das bibliotecas na formação dos técnicos em saúde nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa. Nesses países, a força de trabalho em saúde é insuficiente, com uma minoria de profissionais qualificados. O objetivo do estudo é analisar as condições em que se encontram as bibliotecas das instituições de formação de trabalhadores técnicos em saúde desses países, com as quais a Escola Politécnica de Saúde Joaquim Venâncio mantém parcerias de cooperação internacional, a fim de subsidiar as ações de cooperação desenvolvidas, no âmbito da Rede Internacional de Educação de Técnicos em Saúde. A pesquisa é classificada como descritiva, bibliográfica, documental e de campo, com abordagem quali-quantitativa. A pesquisa de campo é direcionada aos bibliotecários/trabalhadores das bibliotecas das escolas desses países, mediante aplicação de questionário. Em relação à cooperação técnica desenvolvida pelo Brasil, é válido lembrar que, esses países figuram entre as suas prioridades. Por isso, faz-se necessário um estudo aprofundado dessa situação, a fim de evidenciar as condições em que se encontram as bibliotecas dessas escolas e o papel desempenhado por elas na aprendizagem dos futuros técnicos em saúde.

Palavras-chave


Biblioteca escolar. Cooperação internacional. Formação técnica. Trabalho em biblioteca. Trabalho em saúde.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br