A ESCOLARIZAÇÃO DA COMPETÊNCIA INFORMACIONAL

Bernadete Campello

Resumo


Descreve as circunstâncias do surgimento do termo information literacy nos Estados Unidos (neste artigo, traduzido como competência informacional), mostrando como a classe bibliotecária norteamericana dele se apropriou para ressaltar sua ação educativa que vinha sendo consolidada havia várias décadas. Apresenta uma perspectiva da competência informacional como parte do letramento, em que o desenvolvimento das habilidades informacionais se daria no bojo das práticas desse processo. Relata as
ações do Grupo de Estudos em Biblioteca Escolar, que busca compreender as possibilidades de se construir uma perspectiva de competência informacional adequada à realidade brasileira.

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários






____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br