Quando a fila não anda: ações da biblioteca pública para inserção do usuário no mercado de trabalho

Marcos Pastana Santos, Jurema Rosa Lopes Soares

Resumo


A biblioteca pública pode oferecer treinamento de usuários para cadastrar currículos em sites de empresas que recrutam candidatos para oportunidades de emprego. Além disso, pode oferecer capacitações profissionais no ambiente da biblioteca para aumentar as possibilidades de inserção no mercado profissional. Esta pesquisa caracteriza-se como estudo de caso, cujo campo empírico é a Biblioteca Municipal Cial Brito no município de Nova Iguaçu, localizada no Estado do Rio de Janeiro. A fundamentação teórica do presente estudo encontra apoio nas ideias de Bauman (2008) que nos possibilita refletir sobre a sociedade de consumidores. Trazemos também para o debate, a contribuição teórica de Beck (2003) sobre a vulnerabilidade social das pessoas vítimas da lógica capitalista. Neste trabalho procuramos refletir sobre o cenário do mercado de trabalho no Brasil. Apesar do mercado de trabalho ainda está longe de atender a demanda da população, a biblioteca pública é uma das instituições que podem promover a capacitação para o emprego digno. Ações constantes de conscientização dos empregadores é importante, pois na sociedade dos consumidores, a competição entre as empresas para escoar suas mercadorias tem provocado a seleção de trabalhadores que atendam às suas necessidades, não levando em consideração as potencialidades da pessoa.

Palavras-chave


Mercado de trabalho; Formação continuada; Biblioteca pública.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br