Política Nacional de Leitura e Escrita (PNLE) e ODS 4 da Agenda 2030: quais as convergências?

Everton da Silva Camillo, Claudio Marcondes de Castro Filho

Resumo


A Política Nacional de Leitura e Escrita (PNLE) é uma política pública de Estado entendida como uma estratégia para promover o livro, a leitura, a literatura, a escrita e as bibliotecas no Brasil. Já o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 4 é um dos 17 ODS da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU) e representa um compromisso com a educação de qualidade no âmbito dessa agenda, para o desenvolvimento sustentável das pessoas e do Planeta. Em vista disso, este estudo objetivou apresentar convergências entre a PNLE e o ODS 4, e para tanto, o método de pesquisa Análise de Conteúdo de Laurence Bardin foi utilizado para objetivá-lo. Obteve-se como resultado que, embora existam convergências entre a PNLE e o ODS 4 da Agenda 2030, a primeira não explicita em seu conteúdo objetivos que envolvam a primeira infância, a educação pré-escolar, os ensinos técnico, profissional e superior, bem como a educação de adultos. Concluiu-se que frente a uma possível alteração constitucional, a PNLE pode vir a considerar explicitar outras ações como objetivo para o seu conteúdo, a fim de que possa promover o livro, a leitura, a literatura, a escrita e as bibliotecas na sociedade e auxiliar na consolidação de uma educação de qualidade sustentável no Brasil no longo prazo.

Palavras-chave


PNLE; ODS 4; Política Pública; Agenda 2030

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br