Políticas arquivísticas aplicadas à preservação de documentos digitais no Distrito Federal

Cláudio Gottschalg Duque, Fernanda Macena Alves

Resumo


O presente trabalho tem por objetivo investigar as práticas de preservação de documentos digitais nas instituições públicas federais do Distrito Federal. Analisamos algumas destas práticas, a fim de verificar qual ou quais delas melhor se aplicam em repositórios digitais. Como metodologia, utilizamos pesquisas bibliográficas, pesquisa de campo, aplicação de um questionário e tabulação das principais políticas de preservação, para apresentar suas vantagens e desvantagens. A partir desses dados propomos uma política arquivística mais adequada para o Repositório Digital Cultural Brasileiro. Concluímos que com a preservação digital, pretende-se garantir a inalterabilidade dos registros digitais, bem como o acesso a longo prazo, no Repositório Cultural Brasileiro.


Palavras-chave


Repositório digital. Preservação digital. Políticas arquivísticas.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br