Da gestão tradicional para a cultura de gestão de projetos em bibliotecas: o caso das Instituições de Ensino Superior do Recife

Antonio de Souza Silva Junior, Ingrid Naara Carlos Ferreira, Diego Andres Salcedo

Resumo


Teve como objetivo analisar os fatores que influenciam a cultura de gerenciamento de projetos nas bibliotecas universitárias do Recife. Fundamentou o estudo por meio de revisão de literatura especializada nas áreas de Biblioteconomia, Administração e Ciência da Informação. Realizou uma pesquisa de natureza explicativa com procedimento metodológico de campo. Identificou uma população de 38 instituições e coletou dados de uma amostra de 14 instituições. Embasou o questionário estruturado de coleta dos dados a partir do PMBOK com escala de porcentagem adaptada de Likert. Obteve 68 respondentes analisados por meio de regressão linear múltipla com o software Statistica 8. Gerou quatro variáveis independentes: critérios de aceitação do projeto, liberdade para discussão dos artefatos, papel do líder e acompanhamento físico versus financeiro. Concluiu que as variáveis apontam um índice de 85% a favor do suporte à cultura de gerenciamento de projetos em bibliotecas universitárias. Aponta uma demanda cultural desse tipo de gestão e pesquisas nas esferas estadual e nacional brasileiras.


Palavras-chave


Bibliotecas Universitárias; Gestão de Projetos; Recife; PMBOK.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br