Biblioteca, estudo, música e concentração: uma combinação possível

Neuda Fernandes Dias, Francisca das Chagas Viana

Resumo


O projeto sob o título: Biblioteca, estudo, música e concentração: uma combinação possível, surgiu como alternativa para diminuir a dispersão dos alunos nos momentos de estudo, bem como para inserí-los em um contexto musical diferenciado, apresentando-os à música clássica e instrumental. Percebeu-se que durante a execução musical, as conversas paralelas diminuíram. Passou-se a executar o projeto uma vez por semana. Quanto aos objetivos a pesquisa caracterizou-se como descritiva e exploratória, de cunho qualitativo e quantitativo. Quanto aos procedimentos metodológicos, utilizou-se como instrumento de coleta de dados um questionário com 5 (cinco) perguntas, sendo 1 (uma) objetiva e 4 (quatro) subjetivas. A amostra populacional foi de 30% do total de 100 (cem) alunos nos turnos da manhã e da tarde. Foram distribuídos 30 questionários. A partir dos resultados, pode-se inferir que o objetivo que era o de contribuir para o processo de concentração e de relaxamento no momento de estudo, fora alcançado. De acordo com as respostas obtidas, constatamos que alguns ajustes são necessários como: a adequação do volume do som, o trabalho com músicas calmas e relaxantes em detrimento de outras um pouco mais intensas e a busca por ritmos variados que se adequem a proposta instrumental.


Palavras-chave


Biblioteca – Música e Estudo. Biblioteca - Música clássica e instrumental. Música e Concentração.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br