COMPETÊNCIA EM INFORMAÇÃO: CAMINHOS PERCORRIDOS E NOVAS TRILHAS

Maria Helena de Lima Hatschbach, Gilda Olinto

Resumo


O artigo apresenta a evolução do enfoque do conceito, dos estudos e das práticas de Competência em Informação (Information Literacy) nos últimos trinta anos, numa trajetória que aborda desde o desenvolvimento de habilidades no uso de ‘fontes de informação’, de ‘técnicas e métodos de estudo e pesquisa’, de ‘tecnologias de informação e comunicação’, até a instrução bibliográfica e mesmo questões de ordem ética (direito autoral) e social (inclusão digital). A América Latina começa a se inserir e a atuar neste campo de maneira mais efetiva, em termos de programas institucionais e pesquisas acadêmicas, o que contribui para abordagens amplas e transdisciplinares do tema, sobretudo no contexto acadêmico do ensino em seus diversos níveis. Como a avaliação da Competência em Informação de estudantes está sendo ou pode vir a ser abordada em estudos e práticas, especialmente de universitários, ela é um dos aspectos enfatizados neste trabalho. O desenvolvimento de instrumentos de avaliação nesta área oferece insumos para a mensuração dos resultados, reforça as práticas exitosas e propõe novos caminhos para a implementação de ações em Ciência da Informação.

Texto completo:

PDF






____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br