Bibliotecários como promotores de ações culturais: um relato de experiência da 1ª Festa Literária da Univasf: a Festa Literária do Vale do São Francisco

Lucídio Lopes de Alencar

Resumo


Relata a experiência vivenciada na realização da 1ª Festa Literária da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Fliunivasf). O evento foi idealizado por bibliotecários do Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBI) da Univasf como espaço para disseminação de informações e aquisição de conhecimentos acadêmicos e culturais, levando-se em consideração a pouca oferta de livrarias no Vale do São Francisco e de eventos literários na Região do Semiárido. Como um projeto cultural e social, a Fliunivasf possibilitou ao público, o contato com a cultura e a produção literária local. A Festa Literária teve como objetivo: despertar o prazer pela leitura, ampliando o horizonte do letramento e fomentando o conhecimento através do livro. Após o encerramento da Fliunivasf, a Comissão Organizadora elaborou um questionário para avaliar o grau de aceitação do público em relação ao evento. Foi possível detectar, pela análise das respostas, a satisfação da maioria do público que declarou o anseio de participação em outras edições da Festa. A valorização da cultura regional e o estímulo à leitura foram os principais propósitos, obtidos com êxito pelo evento.

 

 


Palavras-chave


Festa Literária. Leitura. Cultura. Bibliotecário

Texto completo:

PDF

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br