Acessibilidade do espaço físico da Biblioteca Dante Moreira Leite

M.I.C. Sampaio

Resumo


Apresenta um breve relato do processo que tornou a Biblioteca Dante Moreira Leite do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo acessível fisicamente. Inaugurada no ano de 1995, a Biblioteca não apresentava condições 100% adaptadas para a acessibilidade ao deficiente físico e pessoas com mobilidade reduzida. O processo teve início no ano de 2005 e foi finalizado em 2008. Foram adaptadas as entradas e saídas, a circulação horizontal e vertical, as portas e janelas. Os sanitários, vestiários, mobiliário interno, estacionamento e a comunicação e sinalização também sofreram alterações. Os deficientes visuais não tiveram suas necessidades 100% satisfeitas, pois os computadores não possuem os programas leitores de tela, como o DOSVOX, o Virtual Vision e o Jaws. As bibliotecas devem acompanhar o movimento do país em relação à acessibilidade. No entanto, mais importante do que adaptar os espaços da Biblioteca por exigências de leis e outros tipos de obligatoriedades é a consciencia que a equipe precisa desenvolver em relação a tornar os espaços acessíveis para todos, independente da sua condição física, social e económica.

Palavras-chave


Acessibilidade em Bibliotecas. Universidade Pública. Direitos do cidadão.

Texto completo:

PDF






____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br