Biblioteca Pública de Lagoa Santa e a Agenda 2030: o Projeto Sala Braille como uma iniciativa de inclusão

Paula Renata Mariano, Tatiana Soares Brandão, Jorge Santa Anna

Resumo


No contexto da Agenda 2030, bibliotecas e bibliotecários muito podem contribuir para o desenvolvimento social das nações ao realizarem projetos que visem à ruptura de barreiras no acesso à informação. Destaca-se, nessas ações, o atendimento a pessoas inseridas em contextos de vulnerabilidade social ou que apresentam algum tipo de necessidade especial, como os indivíduos com deficiências visuais. O presente artigo aborda este contexto, ao apresentar o Projeto Sala Braille da Biblioteca Pública de Lagoa Santa, Estado de Minas Gerais. O referido Projeto é gerenciado com o propósito de atender as pessoas com deficiências visuais desse município, haja vista resgatar/inserir essas pessoas no convívio social. Além de breve referencial teórico sobre acessibilidade em bibliotecas, o estudo relata o contexto de criação, os propósito almejados, os recursos despendidos e as atividades realizadas com o citado Projeto. Os resultados alcançados com o Projeto reforçam que a biblioteca vem se adequando ao tema da inclusão social, para fins de garantir o desenvolvimento sustentável das nações. Concluiu-se acerca da viabilidade do Projeto, principalmente, o papel do bibliotecário, nesse processo, o qual precisa ter espírito inovador para garantir a democratização do acesso à informação para todos.


Palavras-chave


Agenda 2030; Desenvolvimento sustentável; Inclusão social; Pessoas com deficiência visual; Sala Braille.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br