O século XXI sob a égide do fetichismo das tecnologias da informação e comunicação

Márcia Teresa da Rocha Pimenta, Maria da Glória Serra Pinto de Alencar

Resumo


Abordagem crítica da ação do capitalismo contemporâneo, em face dos ditames do neoliberalismo, para desvendar o discurso apologético da chamada “sociedade da informação”, no curso do século XXI. Sob a lógica destrutiva do binômio Estado-capital e o discurso enganador da economia mundial “globalizada”, focalizam-se a informação e a inclusão digital, a partir da idolatria que os indivíduos nutrem pelas Tecnologias de Informação e Comunicação – TIC. Tal fetichismo decorre das falaciosas possibilidades de inclusão social, notadamente em países periféricos, de capitalismo tardio, como é o caso do Brasil. Por fim, alerta-se sobre os riscos de se viver exclusivamente em função do imperativo tecnológico, sob a equivocada promessa de se terem pessoas, organizações e países mais desenvolvidos e livres.


Palavras-chave


Século XXI. Fetichismo da Informação. Sociedade da Informação. Tecnologias de Informação e Comunicação. Capitalismo.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br