Biblioteca escolar com makerspace: um estudo de caso na Biblioteca Abraham Lincoln

João Arlindo dos Santos Neto, Thais Batista Zaninelli

Resumo


A inclusão do Makerspace em bibliotecas além de ser uma tendência também constitui uma necessidade no âmbito dos serviços informacionais. O artigo discute a biblioteca escolar como espaço de encontro e criatividade para a geração Z visando o estímulo de ideias e a criação de projetos. Como objetivo geral investiga a inclusão de um makerspace numa biblioteca escolar. Como objetivos específicos evidencia as vantagens associadas a este novo conceito de serviço, indica diretrizes para inclusão de um makerspace em bibliotecas e apresenta um estudo de caso de sucesso. De natureza exploratória, com abordagem qualitativa, o artigo é fundamentado em revisão de literatura a partir da pesquisa bibliográfica e utiliza a metodologia do estudo de caso. Como resultados reconhece que o Makerspace seduz os usuários a partir de suas ferramentas e da sua proposta conceitual. Conclui que as bibliotecas escolares precisam inovar seus produtos e serviços para garantir uma procura maior e permanência dos usuários em seu ambiente.

Palavras-chave


Biblioteca escolar; Inovação em serviços de informação; Inovação em bibliotecas; Movimento maker; Markerspace.

Texto completo:

PDF




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

____________________________________________ 

Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação. São Paulo.  ISSN: 1980-6949
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados a Federação Brasileira de Associações de Bibliotecários, Cientistas da Informação e Instituições. Contato: rbbd@febab.org.br